O Portal da Arte Brasileira

Vogue Fever Recife acontece on-line a partir de 18 de agosto

0 16

Em 2018, o Recife recebeu a primeira edição do Vogue Fever Recife – Festival Internacional de Vogue, um evento inclusivo, democrático e empoderador que emergiu da dança de rua e que tem identificação total com o público LGBTQIA+. Agora o Vogue Fever retorna em formato virtual a partir do dia 18 de agosto sem perder a pose e com um alcance ainda maior trazendo oficinas diversas e uma competição online.

O Vogue Fever Recife surgiu através de uma parceria do Coquetel Molotov com o Trio Lipstick que organiza desde 2015 o BH Vogue Fever na capital mineira, sendo considerado o primeiro evento internacional de Vogue do Brasil. Esta logo se tornou a maior Batalha de Vogue da América Latina, reunindo artistas e integrantes da cultura ballroom de todas as partes do Brasil e dos países vizinhos.

Com incentivo do Funcultura, nesta nova edição, fazem parte da programação de oficinas e do júri profissionais renomados da dança na região como Pioneiro Edson Vogue Guerreiras (PE), Fênix Negra 007 (AL), Pioneira Mãe Yagaga Kengaral (CE), Legendary Prada 007 (PA) e Mother Tanesa Cabal (RJ). Toda a programação é gratuita e acontece online com inscrições no site do Coquetel Molotov. Em sua programação, o II Vogue Fever Recife está aberto para que as pessoas possam competir num Ball virtual com o envio de vídeos com suas coreografias musicadas.

Post Patrocinado

Na programação do festival, entre os dias 18 e 21 de agosto acontecem oficinas de formação com temas diversos a serem ministrados pelos convidados desta edição. No primeiro dia, Mother Tanesha Cabal apresenta a Oficina de Vogue Fem: Elementos e Coreografia. A professora vai ensinar a técnica da modalidade a partir dos cinco elementos principais e finalizando com uma coreografia. As dinâmicas incluem: musicalidade, coordenação motora e improviso.

O segundo dia de oficinas vem com Legendary Prada 007 e a Oficina de Vogue Fem Soft and Cunt. Esta é a forma mais suave e fluida da dança onde Prada vai ensinar a técnica da modalidade com elementos e coreografia.

Pioneiro Edson Vogue Guerreiras apresenta na sexta, 20 de agosto, sua Oficina de Frevogue, nome da pesquisa em que desenvolve as interfaces do Frevo e do Voguing. Serão abordadas as relações estéticas, organizacionais, de passos e improvisos, assim como o tipo de energia e estado corporal que duas modalidades apresentam.

O sábado, 21 de agosto, reserva duas oficinas, sendo a primeira “Oficina de Runway” com Fênix Negra 007. Runway é uma categoria que exalta a caminhada levando em conta os elementos fashion de quem desfila: roupas, acessórios, revelações e transformações. Na oficina, além de reconhecer historicamente a influência dos desfiles de moda tradicionais na passarela, é possível aprender elementos que podem auxiliar na performance.

A última atividade é da Pioneira Mãe Yagaga Kengaral com sua Oficina de Vogue Fem: elementos e coreografia em que ela vai ensinar a técnica da modalidade em sua visão dos elementos principais do vogue incluindo dinâmicas com musicalidade, coordenação motora e improviso.

Foto: Bruna Brandão.

Serviço

Transmissão on-line.

Datas: 18 a 22/8.

Site: www.voguefever.com.br

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X