Onde estamos? Para onde vamos? É possível alterar o futuro da humanidade? Ou o desastre é inevitável?  O espetáculo “Pi-Panorâmica Insana” dialogar com o momento atual e traz para a cena estas e outras questões. A montagem faz sessão única, em 30 de setembro, segunda, 20h. O ingresso com preço popular custa R$5,00.

Inspirada em pessoas e dados reais, a peça projeta uma lente de aumento sobre a sociedade e traça um painel irônico do mundo contemporâneo. Com direção e concepção de Bia Lessa, o elenco formado por Cláudia Abreu, Leandra Leal, Luiz Henrique Nogueira e Rodrigo Pandolfo vive mais de 150 personagens de diferentes nacionalidades, em textos de Júlia Spadaccini, Jô Bilac e André Sant’anna, com citações de Franz Kafka e Paul Auster.

O espetáculo aborda temas que afetam as condições de vida e questiona se as atitudes da humanidade produzirão um futuro apocalíptico ou se ainda é possível corrigir uma série de problemas estruturais que estão dizimando o planeta. A peça discorre sobre o indivíduo, a civilização, sexualidade, política, violência, nação, miséria, riqueza, consumo desenfreado, gênero e desejo.

Foto: João Caldas

Serviço

Local: Theatro Municipal de São Paulo – Praça Ramos de Azevedo, s/n. – República – São Paulo.

Data: 30/9. Segunda, 20h.

Ingresso: R$5,00

Classificação: 16 anos.

Compartilhe!