O espetáculo, lançado em 1976 durante a ditadura militar da Argentina, aborda a hostilidade do ponto de vista de quem violenta e de quem é violentado. Numa tentativa de driblar a censura do regime vigente, a autora retrata a violência nas brincadeiras infantis.

Um grupo de crianças brinca no parquinho da rua. Os jogos que se desenrolam ao longo do dia, abrem brechas para que a personalidade de cada criança seja revelada. Assim as brincadeiras incitam jogos de poder, violência e crueldade.

Serviço

Texto: Roma Mahieu.

Direção: Sérgio Marques.

Elenco: Alessandra Vitanis, Beatriz Belintani, Beatriz Grobman, Diego Pallardó, Henrique de Paula, Lia Pires, Lucas Leite e Mateus Torres.

Local: Teatro de Arena Eugênio Kusnet – Rua Dr. Teodoro Baima, 94 – Vila Buarque – São Paulo.

Temporada: Até 02/12. Sextas e Sábados, 20h30, Domingos, 18h.

Classificação: 16 anos.

Ingressos: R$ 30 (inteira). R$ 15 (meia-entrada).

Informações: (11) 3662-5177/3822-5671.

Compartilhe!