Considerado um dos principais representantes contemporâneos do Teatro do Absurdo, o dramaturgo romeno Matéi Visniec tem seis de seus monólogos visitados pelo espetáculo “Condomínio Visniec”, que estreia no dia 15 de março no Sesc Ipiranga. Em temporada até até 7 de abril, a peça conta com Ana Clara Fischer, Felipe Souza, Mônica Rossetto, Rafael Levecki, Rogério Pércore e Suzana Muniz em seu elenco.

A encenação é resultado de um processo de pesquisa sobre a obra do autor romeno, desenvolvido por Clara Carvalho desde 2015. Com atmosfera onírica e surrealista, “Condomínio Visniec” adota como referências visuais os quadros de alguns pintores, como o expressionista Edvard Munch (1863-1944) e o surrealista belga René Magritte (1898-1967).

Além disso, a trilha sonora delicada, criada por Mau Machado especialmente para a peça, tem inspiração na obra do compositor estoniano Arvo Pärt (1935). Os figurinos de Marichilene Artisevskis remetem aos anos de 1950 e também fazem alusão ao universo dos pintores mencionados. O cenário minimalista é composto apenas por uma mesa e cinco cadeiras, que ganham diferentes significados ao longo da encenação. A iluminação, feita por Vagner Pinto, é responsável por criar essas atmosferas oníricas que representam o universo interno de cada personagem.

Serviço:

Local: Sesc Ipiranga. Rua Bom Pastor, 822 – Ipiranga – São Paulo.

Temporada: de 15/3 a 7/4. Quintas e sextas, 21h30. Sábados, 19h30. Domingos, 18h30.

Classificação: 14 anos.

Ingressos: R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (meia-entrada) e R$ 6,00  (credencial plena).

Informações: (11) 3340-2000.

Compartilhe!