Ópera performática conta com o libreto de Geraldo Carneiro, direção de Duda Maia, música de Beto Villares, a soprano e atriz Gabriela Geluda e a bailarina e atriz Gabriela Luiz.

“Migrações” é uma ópera performática sobre os deslocamentos de milhões de pessoas em diferentes épocas, da mítica Tróia aos refugiados da Síria hoje. Com direção da premiada Duda Maia, libreto de Geraldo Carneiro e música de Beto Villares, “Migrações” estreia em 11 de abril, no Mezanino do Sesc Copacabana.

O trabalho mistura música, dança e teatro num formato bem diferente das óperas tradicionais, buscando o conceito da ópera performática –no qual a cena se torna uma experiência para o espectador, sem a necessidade de uma história com começo, meio e fim, mas trazendo imagens e sonoridades que conduzam o público em uma dramaturgia particular.

 

Ficha Técnica

Poema/Libreto: Geraldo Carneiro.

Música: Beto Villares e Armando Lôbo.

Canções: Geraldo Carneiro e Beto Villares.

Orquestração: Armando Lôbo.

Direção: Duda Maia.

Soprano/atriz: Gabriela Geluda.

Bailarina/atriz: Gabriela Luiz.

Músicos: Cristiano Alves, Cesar Bonan, David Chew, Aleska Chediak,  Rodrigo Foti e Pedro Moita.

 

Serviço

Local: Sesc Copacabana – Rua Domingos Ferreira, 160 – Copacabana – Rio de Janeiro.  

Temporada: 11 a 28/4. Quinta a domingo, 20h.

Ingressos: R$30,00 (inteira), R$15,00 (meia-entrada). Ingresso solidário – R$ 15,00 (meia) com a doação de 1 kg de alimento para o Projeto Mesa Brasil do Sesc RJ.

Classificação: Livre.

Informações: (21) 2547-0156.

Compartilhe!