O Portal da Arte Brasileira

Oficinas Culturais tem programação voltada para a cultura negra a partir de 2 de novembro

0 9

Ao longo do mês de novembro, as Oficinas Culturais estarão com uma programação voltada para a cultura negra em comemoração ao 20 de novembro, Dia da Consciência Negra. As atividades se iniciam no dia 2.

Com uma programação diversa, que contempla apresentações visuais, aulões e espetáculos, o mês será marcado pela valorização da história e da produção cultural negra nas três unidades do programa que ficam aqui na Capital (Alfredo Volpi, Juan Serrano e Oswald de Andrade). Todas as atividades são gratuitas e ocorrerão de forma on-line e presencial.

Na Oficina Cultural Alfredo Volpi, as atividades começam com o “Preta Leste: Chá das Pretas Bàs convida Mãe Bel Obaluãnge”, no dia 2 de novembro às 19h. Neste encontro, o público acompanhará as Pretas Bàs, grupo que gere o Espaço Cultural Adebankê – “Embaixo do Viaduto também se nascem flores” de difusão da cultura negra e periférica, no diálogo com Mãe Bel Obaluãnge, artista responsável pela instalação “Raízes – Ewè Ewè, sem folha não tem essência” que mostra a relação entre o culto ao Orixá e a natureza.

Post Patrocinado

A instalação estará em cartaz na Oficina Cultural Alfredo Volpi de 9 de novembro a 11 de dezembro, de terça a sexta, das 10h às 15h, também disponível para visitação virtual a partir de 16/11, no site Mais Cultura.

Ambas as atividades fazem parte da 6ª edição da Preta Leste, evento que pauta as questões étnico-raciais e a valorização dos saberes culturais e rituais sagrados de origem afro-brasileira. A Oficina Cultural Alfredo Volpi é realizadora deste evento com curadoria de Kelly Santos. O evento programa ações como aulões de expressões da cultura negra realizados às quintas-feiras, das 19h às 21h, de forma presencial.

No dia 4 de novembro, o aulão com Solange Camargo, mulher negra, periférica, coordenadora de Oficinas da Cultura de matrizes afro negra e brasileira, dançarina e coreógrafa do Grupo Afro Babalotim, apresenta os ritmos e movimentos da dança afro como uma forma de reflexão para os participantes sobre suas origens e seu papel no contexto social.

O segundo aulão será com Pedro Peu, baiano, capoeirista, compositor, dançarino, percussionista popular, coordenador do Centro de Capoeira Angola Angoleiro Sim Sinhô Centro e o Centro de Cultura e Arte BataKerê, ambos situados na favela Santa Inês, na Zona Leste de São Paulo. No dia 11 de novembro, Pedro Peu vai realizar uma vivência de Capoeira Angola buscando o fortalecimento das expressões culturais na diáspora.

O último aulão será no dia 18 de novembro com Enoque Santos, dançarino, coreógrafo e pesquisador desde 1984, atuante e representante da cultura afro-brasileira. Professor, já dirigiu vários projetos pelo Brasil e no exterior com o objetivo de eternizar a cultura afro-brasileira, entre os jovens, crianças e adolescentes em projetos sociais, culturais e artísticos.

A programação continua com o espetáculo “Legado Oju”, realizado pela Cia Oju Orun no dia 6 de novembro, sábado, às 16h. Aberto ao público, o espetáculo mescla elementos de dança, música e do canto para abordar a identidade negra com foco no resgate da ancestralidade africanas e afro-diaspóricas.

A 6ª edição da Preta Leste será finalizada com “Cortejo Preta Leste”. De forma virtual, a Cia. Lelê de Oyá realiza o tradicional cortejo que inclui a lavagem da escadaria da Igreja N. S. do Carmo, momento em que a companhia promove seu ritual anual de renovação e expansão do Asè, rito em que se evidencia o amor e a paz presente nas religiões de matriz africana, em reverência à essência da água, fonte primordial da vida. O cortejo será transmitido via Youtube das Oficinas Culturais com homenagem aos Orixás Oyá, Ogum e Xangô no dia 4 de dezembro às 14h.

Fora da 6ª edição do Preta Leste, a Oficina Cultural Oswald de Andrade realiza o debate “Aquilombamento de mulheres negras da cena brasileira” no dia 11 de novembro, quinta-feira, das 19h às 20h30. O debate on-line pretende abordar a representação das religiões de matriz africana e do feminismo negro nas artes cênicas. O encontro reunirá pesquisadoras que trabalham com essa interseccionalidade em diferentes estados do Brasil.

Na Oficina Cultural Maestro Juan Serrano, o destaque para a cultura negra vem com a atividade “Confecção de Turbantes em Fios de Lã”, com o Núcleo de Cultura Afro-brasileira. Realizada em duas sextas-feiras seguidas, 12 e 19 de novembro das 14 às 16h, a atividade irá mostrar o processo de confecção 100% manual desse objeto que representa um importante símbolo da cultura afro.

Serviço

Abertura Preta Leste: Chá das Pretas Bàs convida Mãe Bel Obaluãnge. Data: 2/11. Terça, 19h.

Instalação “Raízes – Ewè Ewè, sem folha não tem essência. Local: Oficina Cultural Alfredo Volpi – Rua Américo Salvador Novelli, 416 – Itaquera – São Paulo. Datas: 9/11 a 11/12. Terça a sexta, 10h às 15h. Disponível on-line: 16/11 a 11/12.

Aulão: Mestra Solange Camargo. Data: 4/11. Quinta, 19h às 21h. Inscrições: Até 2/11. Classificação: 16 anos. Link de inscrição: https://poiesis.education1.com.br/publico/inscricao/7fad1aaeb2b1139a73241d05e5a68cbb.

Aulão: Mestre Pedro Peu. Data: 11/11. Quinta, 19h às 21h.  Inscrições: Até 9/11. Classificação: 16 anos. Link de inscrição: https://poiesis.education1.com.br/publico/inscricao/21b64b533c7445e6d7ccb6345af652b7.

Aulão: Mestre Enoque Santos. Data: 18/11. Quinta, 19h às 21h. Inscrições: Até 16/11. Classificação: 16 anos. Link de inscrição: https://poiesis.education1.com.br/publico/inscricao/2642c4088801f315789ed587f791f3f2.

Espetáculo “Legado Oju”. Local: Casa de Cultura Raul Seixas – Rua Murmúrios da Tarde, 211 – Conjunto Residencial José Bonifácio – São Paulo. Data: 6/11. Sábado, 16h.

Cortejo Preta Leste. Data: 4/12. Sábado, 14h. YouTube.

Debate: Aquilombamento de mulheres negras da cena brasileira. Plataforma Zoom. Data: 11/11. Quinta, 19h às 20h30. Inscrições: Até 10/11. Classificação: 16 anos. Link de inscrição: https://poiesis.education1.com.br/publico/inscricao/7f7c931315f7f6d9630177949243d2e2

Oficina: Confecção de turbantes em fios de lã. Plataforma Zoom. Datas: 12 a 19/11. Sextas, 14h às 16h. Inscrições: Até 1/11. Classificação: 16 anos. Link de inscrição: https://poiesis.education1.com.br/publico/inscricao/c7498c23c40caf66d815866fd8c0d398.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

AVISO!

Em virtude da pandemia de Covid-19, alguns eventos foram cancelados ou sofreram alterações. Centros Culturais ou espaços de exposição também fecharam.

Consulte sempre antes de se direcionar a um evento presencial.

X