A temporada 2020 da Orquestra Sinfônica Brasileira começa dia 16 de fevereiro no Theatro Municipal do Rio de Janeiro, e levará ao público uma série de concertos em comemoração aos seus 80 anos de atividade. Os eventos destacarão a música brasileira e os artistas nacionais. O repertório clássico, os 250 anos de nascimento de Ludwig van Beethoven e a música popular nacional e internacional também terão espaço na programação. 

 O Brasil é o país escolhido para abrir a Série Mundo e a Temporada 2020. Sob a regência do maestro Neil Thomson, a OSB interpretará obras de célebres compositores nacionais. A noite de abertura terá início com a Abertura da ópera “O Guarani”, de Carlos Gomes. Na sequência, “Bachianas nº 9”, de Heitor Villa-Lobos. “Brasiliana”, de Claudio Santoro é a primeira obra a ser apresentada depois do intervalo, enquanto a “Sinfonia”, de Alberto Nepomuceno, fecha o programa.

Para viabilizar suas atividades, a Fundação Orquestra Sinfônica Brasileira conta com a Lei Federal de Incentivo à Cultura, tem a NTS – Nova Transportadora do Sudeste – como mantenedora, a Vale como patrocinadora master e Brookfield, Eneva e Itaú-Unibanco como patrocinadores, além de um conjunto de apoiadores culturais e institucionais.

Serviço

Local: Theatro Municipal do Rio de Janeiro – Praça Floriano, s/nº – Centro/Cinelândia – Rio de Janeiro.

Data: 16/2. Domingo, 17h.

Ingressos: entre R$ 10,00 e R$ 100,00.

Compartilhe!