O Portal da Arte Brasileira

MASP apresenta individual de Erika Verzutti a partir de 2 de julho

0 16

O MASP abre, em 2 de julho, a exposição “Erika Verzutti: a indisciplina da escultura”, com curadoria de Adriano Pedrosa, diretor artístico do MASP, e André Mesquita, curador no MASP. A mostra faz parte do biênio das Histórias brasileiras, que irá guiar a programação do museu em 2021 e 2022. Neste ano, todas as exposições do museu serão de artistas mulheres: Conceição dos Bugres, Maria Martins, Gertrudes Altschul, Ione Saldanha, Ana Pi, grupo Teto Preto, Regina Vater, Zahy Guajajara e Dominique Gonzalez-Foerster, além de Verzutti.

A abertura da mostra coincide com a da “Sala de Vídeo: Regina Vater”. Nela, a instalação “Conselhos de uma lagarta” (1976), de Regina Vater, uma das pioneiras da videoarte no Brasil, será remontada. Neste trabalho, um dos mais icônicos da artista, Vater intercala sua imagem, filmada durante meses no mesmo ponto de sua casa, com trechos do livro Alice no país das maravilhas em que a protagonista e a lagarta conversam sobre a passagem do tempo e as transformações do corpo. Ademais, serão mostrados os dois vídeos da série ART (1978), Vídeo ART e ARTropophagy, da fase conceitual da artista.

A curadoria é de Guilherme Giufrida, curador-assistente, comunicação e marketing, MASP. No MASP, a exposição de Verzutti irá reunir 79 trabalhos, entre esculturas e relevos de parede, produzidos entre 2003 e 2021 – a obra Torre de cacau é inédita, desenvolvida por ela em 2021. O trabalho escultórico de Verzutti cria associações entre elementos reais e objetos cultuados como símbolos ancestrais e de valor ritualístico, flertando com a arqueologia, a monumentalidade das esculturas totêmicas e as formas orgânicas da natureza e dos corpos. Para produzir suas esculturas, a artista utiliza materiais diversos como papel machê, bronze, plástico, gesso, cimento e isopor.

Post Patrocinado

Eriza Verzutti, 50 anos, nasceu e vive em São Paulo. É graduada em desenho industrial pela Universidade Presbiteriana Mackenzie (1991), com um mestrado em Fine Arts pela Goldsmiths – University of London. Verzutti também participou de cursos livres ministrados por artistas como Leda Catunda, Carlito Carvalhosa e Sérgio Romagnolo. Os trabalhos de Verzutti apresentam-se em uma linha tênue entre a realidade e a ficção. Suas obras fazem referência direta a outros artistas, por meio de títulos, forma ou conceito, e, simultaneamente, dialogam com o cotidiano das novelas, tutoriais na internet e vídeos nas redes sociais.

Legenda da imagem: “Tarsila com Novo”, 2011. Bronze, acrílica e grafite. 28 x 54 x 29 cm. Coleção particular.

Foto: Eduardo Ortega

Serviço

Local: MASP – Avenida Paulista, 1578 – Cerqueira Cesar – São Paulo.

Visitação: 2/7 a 28/11. Terça, 10h às 18h. Quarta a sexta, 12h às 18h. Sábado e domingo, 10h às 18h. Fechado às segundas.

Classificação: Livre.

Ingressos: R$45,00 (inteira); R$22,00 (meia-entrada). Grátis às terças-feiras. Durante todo o mês de julho, o MASP terá entrada gratuita às quartas-feiras, durante o dia todo, um oferecimento B3.

Agendamento on-line obrigatório: www.masp.org.br/ingressos

Informações: www.masp.org.br

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

AVISO!

Em virtude da pandemia de Covid-19, alguns eventos foram cancelados ou sofreram alterações. Centros Culturais ou espaços de exposição também fecharam.

Consulte sempre antes de se direcionar a um evento presencial.

X