O Portal da Arte Brasileira

Itaú Cultural estreia “Ensaios de Fruição” em setembro

0 15

O Itaú Cultural estreia, em setembro, “Ensaios de Fruição”, programação que tem como proposta fortalecer vínculos com novos ou habituais públicos das artes cênicas, abrindo os processos de criação de espetáculos que ainda estão para entrar em cena.

“Que os Mortos Enterrem Seus Mortos”, texto de Samir Yazbek dá início a essa ação com a abertura dos ensaios on-line ao público nos dias 4 e 11 de setembro, sábados, às 15h. Na quarta-feira, 22, às 20h, tem leitura na íntegra feita pelas atrizes Helena Ranaldi e Maria Fernanda Cândido. No ano passado, elas fizeram uma das primeiras apresentações do texto na programação virtual do Itaú Cultural.

Gratuitas, todas as atividades do “Encontros de Fruição” acontecem pela plataforma Zoom, contando sempre com interpretação em Libras. Para participar, os interessados devem reservar seus ingressos pela Sympla. Mais informações no site do Itaú Cultural.

Post Patrocinado

No primeiro sábado, 4, o encontro conta com falas do autor Samir Yazbek sobre a dramaturgia e do diretor Marcelo Lazzaratto e das atrizes Helena Ranaldi e Maria Fernanda Cândido a respeito de suas perspectivas da interpretação. O roteiro inclui, ainda, a leitura de um trecho da peça, abrindo espaço, na sequência, para um diálogo do elenco com o público.

No segundo dia, 11, a proposta é fazer mais uma leitura de trechos do texto e um ensaio geral da leitura. Assim como na primeira semana, o encontro fecha com uma troca desses bastidores com a plateia virtual. Por fim, em 22 de setembro, quarta-feira, às 20h, Helena e Maria Fernanda fazem a leitura na íntegra da peça, sob direção de Marcelo Lazzaratto.

No texto de Samir Yazbek, ao tentar recomeçar a sua vida no Líbano, terra de seus antepassados, uma mulher recebe a visita de sua mãe já morta, insistindo para que ela retorne ao Brasil. O diálogo enfatiza as diferenças culturais entre os dois países – assim como o abismo que separa o mundo atual e o de meados do século XX–, no qual a mãe sugere à filha aprofundar os seus laços com o país para onde ela havia migrado naquele fim de século. Esse é o ponto de partida para aflorarem as subjetividades das duas mulheres. Aspectos psicológicos, sociais e míticos amalgamam a relação das duas, ao mesmo tempo tão próximas e tão distintas.

Ficha Técnica

Texto: Samir Yazbek. Direção: Marcelo Lazzaratto. Elenco: Helena Ranaldi e Maria Fernanda Cândido.

Serviço

Plataforma Zoom.

Ensaios. Datas: 4 a 11/9. Sábados, 15h.

Leitura. Data: 22/9. Quarta, 20h.

Ingressos: Grátis.

Classificação: 14 anos.

Site: www.itaucultural.org.br.

Link para ingressos: www.sympla.com.br.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X