[Exposição] Exposição Interativa a Céu Aberto

[Exposição] Exposição Interativa a Céu Aberto

Mostra 3M de Arte chega à 8ª edição e firma-se como um dos principais eventos de democratização do acesso à arte do país. Entre os dias 15 de setembro e 14 de outubro, o Largo da Batata recebe obras inéditas dos artistas Eduardo Coimbra, Estela Sokol, Grupo Inteiro, do duo Marcos Muzi e Rafael Cotait, Raquel Kogan e Regina Parra.

Com o intuito de democratizar o acesso à arte, impulsionar a produção artística nacional e gerar reflexões sobre temas contemporâneos relevantes, a 8ª Mostra 3M de Arte ocupa o Largo da Batata, no bairro de Pinheiros, na capital paulista com patrocínio da 3M via lei de incentivo à cultura. Esta exposição vai transformar o Largo em uma galeria a céu aberto, em que seis grandes instalações inéditas propõem uma reflexão sobre a ocupação do espaço público, e como as pessoas interagem com a arte quando a encontra em seu caminho.

Com idealização e curadoria da produtora cultural Elo3, empresa que realiza o evento desde sua primeira edição, a mostra alia uma proposta inovadora de interação do público em geral com a arte e proporciona total liberdade criativa na concepção das obras, que utilizam o espaço público como ambiente de expressão. “Neste ano, os trabalhos permeiam a ideia da arte apontando para uma convivência baseada no respeito e na fruição do espaço público enquanto ativador de sentidos e consciência cidadã”, explicaFernanda Del Guerra, sócia e diretora da Elo3.

Obra “Falante” da Artista Raquel Kogan (Créditos: André Veloso)
Totalmente gratuito, o evento vai ao encontro do propósito dessa política pública de fomento e distribuição de arte e cultura, visando justamente refletir sobre tolerância, interação social e transformação do espaço público em espaço de convivência. O Largo da Batata, localizado na zona oeste da capital, pertence a uma área revitalizada que integra o esforço da sociedade civil para transformar a cidade em um espaço de convívio e ocupação por parte da população. Com circulação diária de aproximadamente 150 mil pessoas, o espaço, que recebe a mostra pelo segundo ano consecutivo, tornou-se um símbolo de resistência pública abrigando ocupações, manifestações políticas, blocos de Carnaval e atividades de lazer e entretenimento cotidiano de paulistanos de todas as idades e classes sociais.

O evento conta ainda com o espaço container.art – que nesta edição da mostra está configurado como um estúdio de arte – oferece oficinas gratuitas destinadas ao público com temas conectados a ciência e arte, coordenadas pela arte educadora Vera Barros, todos os dias, das 8h às 20h.

Além das oficinas, Vera coordena as visitas guiadas e as informações sobre as obras, artistas e oficinas do container.art, que estarão presentes no site da mostra em um catálogo digital, disponível a partir da abertura. Na grade de atividades, destaque para as oficinas “Máscaras Faciais”, “Jornalista por um Dia”, “O Outro no Espelho” e “Telefone de Lata”.

  • Largo da Batata – Avenida Brigadeiro Faria Lima, 860 – Pinheiros, São Paulo
    + Ver mapa
  • 15/09/2018 a 14/10/2018
  • Gratuito.
Sem comentários

Insira um Comentário