O Portal da Arte Brasileira

Espetáculo “Estilhaços de Janela Fervem no Céu da Minha Boca” estreia em 9 de outubro

0 6

O espectador é convidado para o lançamento de um novo empreendimento imobiliário no bairro da Barra Funda. No dia agendado, um carro de aplicativo vai buscá-lo em sua casa para levá-lo até o local do evento. É assim que começa o espetáculo “Estilhaços de Janela Fervem no Céu da Minha Boca”, nova montagem do coletivo teatral A Digna que estreia dia 9 de outubro, sábado, às 18h30. A temporada segue até 28 de novembro com sessões aos sábados, domingos e feriados, sempre às 18h30.

Para concretizar todos os elementos dessa peça itinerante, A Digna convidou a diretora Eliana Monteiro,por sua vasta experiência em espaços alternativos e o trabalho colaborativo com os atores.

Doze motoristas de aplicativo e cinco ciclistas entregadoras, que fazem parte do coletivo Señoritas Courier, se juntam ao elenco formado por seis atores e atrizes. Com total segurança, o espectador é pego e levado em casa e poderá viajar sozinho no carro ou acompanhado de mais alguém que resida com ele. Ao todos são 12 carros, que transportarão no máximo 24 pessoas. A todo momento são respeitados os protocolos de segurança, como o uso de máscara e distanciamento social.

Post Patrocinado

Dias antes da apresentação, o espectador recebe uma série de conteúdos pelo WhatsApp sobre a vida das personagens que moram no bairro planejado “Ilhas dos Sonhos Nova Barra Funda”. Ao comprar o ingresso, o grupo agenda um motorista de aplicativo que vai busca-lo em horário combinado de acordo com a distância do endereço. Grande parte do espetáculo acontece durante o trajeto de carro. O motorista segue um roteiro, compartilhando com o espectador-passageiro assuntos pertinentes tratados em cena, como a precarização das relações de trabalho, a gentrificação, o uso da fé como mercadoria, a ascensão dos militares ao poder.

Durante o percurso, o público recebe a notícia que um entregador de bicicleta foi atropelado, evidenciando algumas violências que ocorrem na cidade. Há também uma rádio ficcional, que toca o tempo inteiro no carro, trazendo músicas, propagandas e entrevistas com as personagens, criando uma paisagem sonora que serve de atmosfera e contraposição temática para uma série de cenas que ocorrem na rua. As entregadoras-ciclistas circulam pelos arredores e compõem o coro do grupo. Após o trajeto, o púbico chega à cena final na Barra Funda, onde irá acompanhar o desfecho das personagens do espetáculo.

Formado por Ana Vitória Bella, Helena Cardoso e Victor Nóvoa, A Digna encerra com essa montagem a trilogia do despejo composta por “Condomínio Nova Era” (2014) e “Entre Vãos” (2016). A proposta do espetáculo, contemplado pela 34a edição do Fomento ao Teatro para a cidade de São Paulo, é questionar como a precarização das relações de trabalho e a gentrificação tentam definir os usos do espaço público.

Foto: Alécio Cézar.

Ficha Técnica

Dramaturgia: Victor Nóvoa. Direção: Eliana Monteiro.  Elenco: Ana Vitória Bella, Eliana Bolanho, Helena Cardoso, Ícaro Rodrigues, Paulo Arcuri e Victor Nóvoa.

Serviço

Espetáculo Itinerante.

Datas: 9/10 a 28/11. Sábados, domingos e feriados, 18h30.

Ingressos: R$20,00 (inteira) e R$10,00 (meia-entrada).

Classificação: 12 anos.

Lotação: 24 espectadores.

Link para ingressos:  https://adigna.com.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X