A Cia. Gelmini, do diretor Gustavo Gelmini, estreia na próxima quarta-feira, 5 de junho, no Sesc Copacabana, o espetáculo “Mateus”. Trata-se do último espetáculo da trilogia do Homem Contemporâneo, iniciada com os aclamados “Toque” (2017) e Fauno (2018). O trabalho é uma investigação sobre a relação da contemporaneidade com o cristianismo, tratando de questões que cercam a culpa, espiritualidade e transcendência. Serão cinco sessões, até dia 9 de junho, sempre às 20h.

Desta vez com os bailarinos-criadores Fernanda Sant’Ana e Leandro Vieira, o espetáculo parte da ontologia e do sentido trágico da imanência para pesquisar composições de movimento que tratam a relação do corpo com o momento presente, a fim de criar tensões entre o conceito de identidade e semelhança, e estabelecer relações com o tempo em sua horizontalidade entre intérprete, público e espaço.

Com música original e mixagem do percussionista francês Cyril Hernandez, luz de José Geraldo Furtado, inspirada nas obras cinematográficas de Andrei Tarkovski, e cenário concebido pelo artista catalão Sergi Arbusà, Mateus propõem uma experiência de sensações ao espectador que articulam na fronteira do conhecimento entre a filosofia e o movimento.

Serviço

Local: Sesc Copacabana – Rua Domingos Ferreira, 160 – Copacabana – Rio de Janeiro.

Temporada: 5 a 9/6. Quarta a domingo, 20h.

Ingressos: R$ 30,00 (inteira), R$ 15,00 (meia) e R$ 7,50 (credencial plena Sesc).

Classificação:  16 anos.

Informações: (21) 2547-0156.

Compartilhe!