A Companhia de Danças de Diadema, que completa 25 anos em 2020, elaborou uma estratégia online para manter suas atividades, durante a quarentena decretada pelo Governo do Estado de São Paulo para combater a pandemia do Coronavírus. Os integrantes da companhia estão mantendo a rotina diária de prática corporal, mesmo à distância, quatro vezes por semana para manter a forma física. E as oficinas de dança regulares (Projeto Oficinas) também estão acontecendo via Internet.

Os bailarinos e a diretora Ana Bottosso vêm mantendo a disciplina interna com aulas online nos mesmos dias em que eram feitas presencialmente, às segundas, terças, quintas e sextas-feiras. Conectados, os integrantes da companhia se alternam na coordenação da prática corporal, que dura mais de uma hora, e a cada dia fazem uma aula diferente: práticas e noções de Yoga, pilates, alongamento, improvisação e condicionamento aeróbico. “Inclusive, dedicamos um dia às aulas de balé clássico com nosso professor Paulo Vinícius”, comenta Ana, que também é coreógrafa da Companhia de Danças de Diadema.

A Secretaria de Cultura de Diadema, à qual a companhia é ligada, criou também o canal Cultura Diadema Online que atende a população nesse momento de afastamento social. Por meio desta ferramenta, os bailarinos estão em contato frequente com os alunos do “Projeto Oficinas”, que é oferecido para a comunidade de Diadema, gratuitamente. As aulas continuam online. Também foram disponibilizados vídeos com coreografias na íntegra de espetáculos do repertório da Companhia de Danças de Diadema, que podem ser acessados também pelo site www.ciadedancas.apbd.org.br. Ana comenta ainda que as atividades nas redes sociais foram redobradas nesse momento com a intensificação postagens no Instagram, Facebook e WhatsApp.

 

Redes Sociais

Facebook @companhiadedancas

Instagram: @ciadancasdiadema

WhatsApp: (11) 94029-9469

Compartilhe!