Coletivo Estopô Balaio apresenta a abertura de processo de “Ex-Nordestines” na Mostra Teatral SP 10 anos

Referência internacional em formação profissional para o mercado de artes cênicas, a SP Escola de Teatro celebra, neste mês, 10 anos de existência com resultados robustos: 3.495 estudantes atendidos 1.433 artistas convidados, 146.156 horas/aula nos cursos regulares e um modelo de gestão copiado em equipamentos públicos de países como a Finlândia.

Os números reforçam a solidez da trajetória da escola, que se tornou um dos símbolos culturais da cidade de São Paulo. Para celebrar esse marco, a Mostra Teatral SP 10 Anos em realização até 28 de novembrocom um novo espetáculo todo dia, gratuito e online. As reservas são gratuitas e podem ser feitas via Sympla .

Obra é um é um mergulho profundo para dentro do Coletivo Estopô Balaio. Dando continuidade ao olhar que o grupo tem sobre a memória migrante que habita a cidade de São Paulo, a peça é uma distopia a partir da trajetória de seus integrantes, experimentando novas formas de criação e de investigação do tema que sempre norteou as suas criações: a migração como componente fundante dos territórios. O espetáculo parte da premissa que o Nordeste sumiu do mapa do Brasil e que nessa distopia ninguém, com exceção dos ex-nordestines, têm consciência do que ocorreu.

O dispositivo do sumiço da região é um gatilho para a discussão sobre a ausência de memória da nossa história, sobre a naturalização de erros exploratórios consequentemente repetidos, sobre a racialização do nordestino. O coletivo é um grupo de artistas formado em 2011 na cidade de São Paulo que conta em sua maioria com a participação de artistas migrantes. É por esta condição de vida, a de um ser migrante, que a cia tem o desejo de aferir um olhar sobre a prática artística encontrando como estrangeiros a distância necessária para enxergar o olhar de destino de desejos.

Ficha Técnica

Diretora: Quitéria Kelly. Dramaturgo: Henrique Fontes. Elenco: Adrielle Rezende, Ana Carolina Marinho, Anna Zêpa, Badu Morais, Breno da Matta, Juão Nyn. Assistente De Direção: Rodrigo Silbat. Produção Executiva: Wemerson Nunes. Produção: Corpo Rastreado e Coletivo Estopô Balaio.

Serviço

Data: 24/11.Terça, 20h.  

Ingressos: https://www.sympla.com.br/ex-nordestines—abertura-de-processo__1050233

Compartilhe!