O Portal da Arte Brasileira

Cia. Os Crespos lança terceiro número da revista Legítima Defesa – Uma Revista de Teatro Negro

0 16

Democratizar e documentar a cena preta artística brasileira, estimulando o debate e a reflexão sobre o teatro negro de ontem e de hoje, ao mesmo tempo em que apresenta novas alternativas para a trajetória dramatúrgica de amanhã. Com este enredo a Cia. Os Crespos, de São Paulo, traz à cena o terceiro número da Legítima Defesa – Uma Revista de Teatro Negro. Três encontros marcam o lançamento desta edição que acontece de forma online, nos dias 27, 28 e 29 de abril, às 20h pelo Youtube do Sesc Pompéia.

Após um hiato de cinco anos, a terceira edição da Legítima Defesa – Uma Revista de Teatro Negro, conta com textos de Altemar Di Monteiro (CE), Aza Njeri (RJ), Denilson Tourinho (MG), Elizandra Souza (SP), Liliane Braga (SP) , Lucelia Sergio (SP) , Nabor Jr. (SP), Napo Masheane (África do Sul) e Sidney Santiago Kuanza (SP). Além de sua versão impressa – que será distribuída de maneira escalonada por conta da pandemia da covid19 – a Revista já está disponível em ambiente digital, de forma gratuita em nosso site. A última edição da revista havia sido publicada em 2016.

A publicação conta com uma matéria  de intercâmbio com a África do Sul, escrita por Napo Masheane, poeta e dramaturga. A artista multilíngue nos convida a conhecer o teatro sulafricano feito por mulheres, discutindo as complexidades deste teatro e nos apresentando uma cena contemporânea construída a partir de literaturas orais e das teatralidades das culturas locais . 

Post Patrocinado

Inserida no projeto De Mãos Dadas: Afetos Políticos, Contornos Poéticos, viabilizado pelo Programa Municipal de Fomento ao Teatro para a Cidade de São Paulo, o conteúdo da revista é distribuído em 12 editorias, com textos sobre: Teatro negro e transgressão; O movimento de fortalecimento da cena negra nacional; Arte negra no Ceará; Reflexões sobre o teatro negro para infância e juventude; Os 15 anos de importantes grupos de arte negra de São Paulo, Os Crespos, Ilú Obá de Min e Quilombaque; A passagem de Alberto Guerreiro Ramos pelo Teatro Experimental do Negro; além de homenagear artistas como Ruth de Souza, Chica Xavier e  Zenaide Zen.

Para marcar o lançamento deste terceiro número, três encontros proporcionam uma aproximação dos temas abordados nesta publicação. As reflexões  sobre os desafios do teatro negro na cena contemporânea, sobre as trajetórias que marcaram os últimos cinco anos, sobre referências históricas e artísticas, assim como sobre as perspectivas futuras deste teatro, serão os motes das conversas que acontecem de forma online, pelo Youtube do Sesc Pompeia.

Além das mesas e conversas, durante os três dias, teremos “Pílulas Poéticas” com a multiartista Aretha Sadick.

Confira a programação

Mesa Memória e Ativismo – Celebrando Chica Xavier, Ruth de Souza e Zenaide Zen. Com Léa Garcia (RJ), Cyda Moreno (RJ) e Filó Filho (RJ). Data: 27/4. Terça, 20h.  

Mesa Teatro Negro Infantil. Com Cássia Valle (BA), Michelle Sá (MG), Ícaro Rodrigues (SP). Data: 28/4. Quarta, 20h.

Mesa Panorama Artes Negras Brasileiras. Com Elizandra Souza (SP), Altemar Di Monteiro (CE) e Denilson Tourinho (MG). Data: 29/4. Quinta, 20h.  

Serviço

Disponível on-line.

Site: https://ciaoscrespos.com.br/.

YouTube: Canal Sesc Pompéia.

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X