O Portal da Arte Brasileira

Cia. O Grito apresenta intervenções públicas no Brás a partir de 22 de setembro

0 12

O grupo teatral Cia. O Grito apresenta intervenções públicas no Brás nos dias 22 e 23 de setembro e 6 de outubro – duas são itinerantes pela rua, e uma será no interior da sede do grupo, onde a relação com o público será de palco italiano.

O DJ, ator-MC, diretor e pesquisador Eugênio Lima, membro fundador do Núcleo Bartolomeu de Depoimentos há mais de 20 anos, dirige a Cia. O Grito em sua segunda atividade pública do projeto de pesquisa “Brás: Memórias e (Des)memórias de uma São Paulo Precária”, contemplado na 34ª. Lei de Fomento ao Teatro.

Em residência artística desde 2015 na Casa Restaura-me – ONG localizada no centro do bairro paulistano Brás, que atende por dia mais de 400 adultos em situação de rua – onde mantém sua sede no segundo andar da instituição, a Cia. O Grito foi indicada ao Grande Prêmio da Crítica de 2018, melhores do ano pelo Guia Folha e melhor iluminação pelo Prêmio São Paulo com o espetáculo “O Gigante Adamastor”. O objetivo principal do projeto é a continuidade e aprofundamento da linha de pesquisa teatral do grupo em sua atual ocupação artística. As intervenções cênicas resultam de workshops abertos ao público para a investigação de linguagens artísticas interventivas. O trabalho rendeu um produto cênico que será desenvolvido por meio de uma intervenção no interior da Casa Restaura-me e outras duas pelo bairro do Brás.

Post Patrocinado

As intervenções tem a proposta de interligar o tema proposto para esta ação – Teatro Épico e Precarização do Trabalho – com as relações entre o Brás e a história pessoal de cada intérprete. As performances foram pensadas para acontecer em três espaços – no interior da própria Casa Restaura-me e em pontos de deslocamentos no Largo da Concórdia e na rua Monsenhor Andrade.

Ficha Técnica

Direção: Eugênio Lima. Elenco: Diane Boda, Fulvio Bicudo, Junia Magi, Maurício Caetano, Samira Pissinato, Zé Olegário Neto e Wilson Saraiva. 

Serviço

Locais: Casa Restaura-me – Rua Monsenhor Andrade, 746 – Brás. Largo da Concórdia – Monumento ao Migrante Nordestino.

Datas: 22/9. Quarta, 9h30 e 10h30. (Casa Restaura-me). 23/9. Quinta, 9h30 e 11h. (Rua Monsenhor Andrade). 6/10. Quarta, 11h (Largo da Concórdia).

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X