O Portal da Arte Brasileira

Cia. Fragmento de Dança apresenta Terça Aberta com performances on-line ao vivo

0 11

A Terça Aberta, programa mensal da Cia. Fragmento de Dança, acontece no próximo dia 4 de maio, às 19h, em transmissão direta dos artistas performando ao vivo no Kasulo, espaço sede da companhia, através de live pelo perfil do Instagram da Cia. 

Serão três trabalhos apresentados em sequência: “D.U.C.A (Diário de Um Certo Artista)”, de Rodrigo Alcântara, “Eco chegou na festa e trouxe a Breja”, de Rafa Barzagli, e “Raxa”, com Carolina Gasquez. Concluídas as três apresentações, segue uma boa conversa entre os artistas, com a participação do público e mediação da atriz Janaina Leite (Grupo XIX de Teatro) e da bailarina Vanessa Macedo (Cia Fragmento de Dança).

Rodrigo Alcântara estreou “D.U.C.A – Diário de Um Certo Artista” em 2019, e até o início da quarentena, estava em cartaz no Espaço Cultural Adebankê. O trabalho, que já retratava os desafios do fazer artístico periférico, teve seus limites ainda mais testados em meio à pandemia.  Com direção de Anelise Mayumi e adaptado a um formato de encontro entre o antigo e o novo normal, relata em seu diário os dias, as dores, as alegrias, os tombos e acolhimentos, os caminhos e os encontros.

Post Patrocinado

Rafa Barzagli dedica “Eco chegou na festa e trouxe a Breja” à jovem e bela ninfa da mitologia grega, que tinha o dom do diálogo, foi amaldiçoada por falar demais e, ao tentar sair da caverna, não foi ouvida pelo macho narcísico. Na onírica impossibilidade relacional, vaticinada por toda uma sorte de acontecimentos e ancestralidades, Eco é conclamada a participar de um encontro utópico através do tempo. Entre a imagem de Narciso (interpretado por Rafa Barzagli) e o som de Eco (Maitê Molnar), nos reconhecemos na festa de corpos dançantes e, em isolamento, quase desistindo, talvez possamos identificar instantes fugazes e potentes de felicidade, em uma (não)dança virtual.

“Raxa” é um estudo sobre dinâmicas, fluxo e fluência de movimento e suas relações com o espaço a partir da sonoridade do break beat do Hip Hop Dance. Artista da dança e arte-educadora, Carolina Gasquez desenvolveu pesquisa sobre as Danças Urbanas a partir do Método Bailarino-Pesquisador-Intérprete (BPI), conta, para o trabalho, com a provocação artística de Sofia Cruz, e figurino assinado por Mariana Gonçalves.

Foto: Arô Ribeiro.

Serviço

Transmissão on-line.

Data: 4/5. Terça, 19h às 21h.

Instagram: @fragmentodedanca.  

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X