O Portal da Arte Brasileira

Centro Cultural Correios São Paulo apresenta mostra “Diário 366” do artista Bruno Novaes

0 31

A mostra “Diário 366” com início em 18 de maio, no Centro Cultural Correios São Paulo, exibe as páginas do diário do artista Bruno Novaes e objetos que compõem seu novo trabalho, um projeto colaborativo onde a documentação de sua história pessoal se mistura com a de voluntários, em um processo que se estendeu por um período de quatro anos.

O projeto teve início com registros diários feitos pelo artista no ano bissexto de 2016, usando diferentes linguagens, como texto, desenho, colagem e fotografia. Em seguida, os participantes escolheram datas e receberam as páginas correspondentes do caderno, digitalizadas em forma de cartão postal. Estes colaboradores responderam com o envio de itens que comentavam o motivo da escolha por aquele dia, criando uma relação de troca de confidências com o artista. Todo esse processo foi documentado em um grande calendário, onde Novaes fez o controle das devolutivas por meio de aquarelas dos itens recebidos. A mostra, além de apresentar as pinturas dessa catalogação anual, as páginas do diário do artista e todo o acervo recebido, também abrigará o lançamento do livro homônimo, premiado pela Lei Federal de Incentivo à Cultura Aldir Blanc.

Entre as motivações para as participações, as escolhas das datas misturaram aspectos individuais e íntimos com acontecimentos culturais e coletivos, resultando em um arquivo que coloca objetos ordinários, trabalhos de arte, documentos pessoais e lembranças afetivas em um mesmo plano. Assim, criou-se um diário que, além de servir como instrumento para o conhecimento de si, se tornou uma narrativa coletiva das memórias, afetos e histórias de vida de mais de trezentas pessoas.

Post Patrocinado

Longas cartas contando sobre experiências pessoais, fotografias, documentos e outros objetos estão entre os itens recebidos, que muitas vezes chegaram sem explicações. De modo geral, os itens que chegaram acabam por exigir o uso da imaginação para que se tente deduzir ou mesmo ampliar seus significados, o que confere ao livro um caráter simultâneo de documentação e narrativa de ficção.

Serviço

Local: Centro Cultural Correios SP. Praça Pedro Lessa, s/n – Vale do Anhangabaú, Centro – São Paulo.

Visitação: de 18/5 a 16/7. Segunda a sexta, 10h às 17h.

Ingressos: Grátis.

Classificação: Livre. 

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

X