O Portal da Arte Brasileira

Casa de Vidro apresenta a exposição “De 22 a 72: Bardi e o Modernismo Brasileiro” a partir de 7 de maio

0 11

O Instituto Bardi apresenta entre os dias 7 de maio e 2 de julho, na Casa de Vidro a exposição “De 22 a 72: Bardi e o Modernismo Brasileiro”. Com curadoria de Renato Anelli e Eugênia Gorini, a mostra celebra os cinquenta anos da exposição “Semana de 22: Antecedentes e Consequências”, idealizada por Pietro Maria Bardi (La Spezia, Itália, 1900 – São Paulo, Brasil, 1999) no Museu de Arte de São Paulo (MASP) para o primeiro cinquentenário da Semana de Arte Moderna.

Inaugurada em 02 de maio de 1972, a mostra no MASP revelava um amplo quadro da modernização de São Paulo. Apresentando as faces erudita e popular do modernismo brasileiro, “Semana de 22” ocupou dois espaços no museu. Na sala do 1º andar, uma coleção de objetos e obras de arte contextualizava a vida cotidiana na cidade de São Paulo em 1922. A expografia foi dirigida por Bardi e seus assistentes, utilizando painéis, vitrines e alguns cavaletes de vidro criados por Lina Bo Bardi (Roma, Itália, 1914 — São Paulo, Brasil, 1992). Já sob o vão livre do MASP, Bardi encomendou a Lina a construção de uma versão reduzida do Circo Piolin, uma homenagem ao palhaço Piolin, tido pelos modernistas como um exemplo de ator moderno e popular.

Entre os destaques da mostra da Casa de Vidro estão os desenhos originais de Lina Bo Bardi para o Circo Piolin e a recriação da arte gráfica de Willys de Castro para o cartaz e capa do catálogo. O artista neoconcreto interpretou a visão histórica de Bardi sobre o modernismo ao dispor em uma grelha de 4 x 4 imagens, 16 rostos recortados de 15 pinturas e uma escultura produzidas entre 1890 e 1945. Anita Malfatti, Tarsila do Amaral, Di Cavalcanti, Portinari e Volpi integram o conjunto.

Post Patrocinado

A exposição “De 22 a 72: Bardi e o Modernismo Brasileiro” também contará com uma programação de atividades paralelas. A primeira delas será a palestra “Modernismo Paulista e Arquitetura Moderna Brasileira”, com Abílio Guerra, arquiteto e professor da FAU Mackenzie, e os curadores Renato Anelli e Eugênia Gorini. O evento acontece dia 14 de maio, às 15h30, na Casa de Vidro, com inscrições gratuitas pelo e-mail infobardi@institutobardi.org (20 vagas). Também será transmitido ao vivo pelo Instagram @institutobardi.

Serviço

Local: Casa de Vidro – R. Gen. Almério de Moura, 200 – Morumbi – São Paulo.

Abertura: 7/5. Sábado, 9h30 às 16h. Ingressos: Grátis.

Visitação: Até 2/7. Sextas e sábados, 10h às 15h30.

Ingressos: R$50,00 (inteira) e R$25,00 (meia-entrada).

Agendamento: https://portal.institutobardi.org/visite-a-casa

Informações: infobardi@institutobardi.org

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

AVISO!

Em virtude da pandemia de Covid-19, alguns eventos foram cancelados ou sofreram alterações. Centros Culturais ou espaços de exposição também fecharam.

Consulte sempre antes de se direcionar a um evento presencial.

X