[EXPOSIÇÃO] A África que Habita em Nós

[EXPOSIÇÃO] A África que Habita em Nós

Kilombo: A África que habita em nós, traz fotos que reverenciam a herança negra do Brasil através das lentes da fotógrafa documental boliviano-americana Maria Daniel Balcazar. Suas fotos traduzem profunda admiração e respeito pela cultura afro-brasileira e sua força de resistir e transcender.  Em cartaz até 14 de outubro, a mostra acontece no Centro Cultural Justiça Federal, no Rio de Janeiro. Depois de lá, segue rumo a Nova York.

A exposição exibe 32 fotos que congelam em imagens a vida cotidiana e o sincretismo religioso das práticas e costumes culturais afro-brasileiros. Sejam eles em favelas, quilombos, terreiros, procissões ou cemitérios. Estejam eles no Rio de Janeiro, Bahia ou Minas Gerais.

Ela conta que iniciou este projeto no Rio em 2015, visitando vários lugares diferentes onde populações e comunidades de afrodescendentes vivem e se reúnem, e participando de rituais de candomblé e umbanda e de manifestações culturais como a capoeira e o samba.

As fotos de Maria são a visão amorosa de uma mulher suave e destemida que se expressa com um português fluente e em imagens fortes e poéticas. Miúda, se embrenhou por comunidades como Cidade de Deus, Complexos do Alemão e da Maré, Costa Barros e Rocinha e desbravou tradições africanas, cristãs e indígenas por cidades como Salvador, Ouro Preto e Paraty.

(Créditos: Maria Daniel Balcazar)

Tradições culturais muito antigas e sincréticas na Índia, Etiópia, Brasil, México e Bolívia são o fio condutor dos projetos de Maria Balcazar. “Através de meus projetos testemunho rituais religiosos, cerimônias e festividades, procuro por templos, casas e locais de trabalho. Com fotos independentes, busco contar histórias sobre a vida cotidiana. Abordo as imagens a partir de uma perspectiva de Belas Artes – não com a intenção de minimizar a força da realidade, mas com o objetivo de aumentar seu valor trazendo à superfície a força interior do subjetivo. Eu gosto de testar as zonas de conforto dos espectadores enquanto toco seus sensos de empatia” explica a fotógrafa.

(Créditos: Maria Daniel Balcazar)

  • Centro Cultural Justiça Federal – Avenida Rio Branco, 241 – Centro, Rio de Janeiro
    + Ver mapa
  • 06/09/2018 a 14/10/2018
  • Das 12h às 19h
  • Grátis

 

 

Sem comentários

Insira um Comentário

#SIGA-NOS Instagram