Rap Plus Size questiona hipocrisia que ronda o mês das mulheres

O videoclipe rola na Lavanderia Laundry Deluxe em São Paulo e foi produzido por Ganga Prod, uma produtora apenas de mulheres, para dar continuidade ao trabalho que vem realizando com o Rap Plus Size.

O roteiro foi trabalhado para enfatizar a lavagem de roupa suja que precisa ser feita na cena e, claro, do papel que é destinado a mulher de lavar roupas, tudo de maneira bem irônica e muito bem filmado, com direção de Érica Pascoal.

Crédito:(Divulgação)

Março é um mês de grande importância para o RAP feminino. Mas não é o único momento que mulheres se unem, se articulam para realizar encontros, debates, atividades e mostrar o talento  para o cenário feminino (porque homens não comparecem nesse eventos).

A Frente Nacional De Mulheres do Hip Hop vem fazendo isso num Fórum anual desde 2010.

Em março são organizados diversos eventos de mulheres para mulheres, mas também é o momento em que os homens produtores criam projetos no quais só mulheres cantam (isso é, quando criam um evento exclusivamente com a line feminina).

O grande problema é que somente durante esse período as mulheres são lembradas, enquanto nos outros eventos ao longo do ano não tem sequer presença feminina nos lines e quando tem o número é irrisório.

Crédito:(Divulgação)

É isso que as Mcs Issa Paz, Sara Donato, Karol de Souza, Bivolt e Monna Brutal vem falando no som Homenagem de Março.

Nesse mês a hipocrisia reina em homenagens nada sinceras que vem com sons, videos, eventos e de diversas outras maneiras mas que sempre começa com: essa é pra todas as mulheres… mas no final é sempre o mesmo discurso vazio e romantizado que em nada compreende nossas pautas.

Crédito:(Divulgação)
Crédito:(Divulgação)
Crédito:(Divulgação)
Crédito:(Divulgação)

Fonte: https://medium.com/@raplusize/homenagemdemarco-e14e86230011

 

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo