Pintor Fernando de Szyszlo morre aos 92 anos junto de esposa

(Créditos: Reprodução/Jornal do Commercio)

 

O pintor e escultor peruano Fernando de Szyszlo, faleceu na última segunda-feira (09/10) aos 92 anos, junto de sua mulher Liliana Yábar, após um suposto acidente em sua casa de Lima.

Um dos grandes nomes da arte abstrata na América Latina foi encontrado em sua residência já sem vida, por bombeiros que chegaram para atender a emergência. A secretaria de De Szyszlo disse que as mortes teriam sido causadas por um acidente doméstico.

+ Acadêmicos do Baixo Augusta inauguram centro cultural em SP

No relatório oficial dos bombeiros, é informado que o casal apresentou feridas na cabeça, após um acidente descrito como "emergência médica/traumática/ferida por queda"

O Ministério da Cultura se manifestou pelo Twitter: "O Peru perdeu um de seus maiores artistas e pensadores: Fernando de Szyszlo, que faleceu esta noite junto com sua esposa, Liliana Yábar. Estendemos nossas mais sinceras condolências a seus familiares e amigos".

O presidente peruano Pedro Pablo Kuczynski declarou que o artista foi um dos "grandes amigos de toda a vida".

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo