Internautas se mobilizam e organizam Virada Cultural Clandestina

A Virada Cultural promove 24h ininterruptas de atividades culturais 

 

Entusiastas da Virada Cultural e defensores de uma ocupação mais humana dos espaços públicos de São Paulo criaram um evento no Facebook chamado Virada Cultural Clandestina

O evento tem origem no anúncio que João Dória fez ontem (5/12). O futuro prefeito disse que em 2017 a Virada vai ser transferida para o Autódromo de Interlagos, Zona Sul. Sua referência-mor para a drástica mudança é o festival internacional Loolapalooza.

A Virada Cultural Clandestina será realizada de 19 a 21 de maio. 28 mil pessoas já confirmaram presença e 32 mil têm interesse em participar do evento. A página já foi compartilhada mais de 60 mil vezes. 

O texto de abertura explica a proposta do evento: "O mínimo que nós cidadãos paulistanos que curtimos a Virada NO CENTRO, com os problemas que podem ser minimizados mas com uma TROCA HUMANA intensa e fundamental para a saúde mental coletiva da cidade, devemos fazer é, além de protestar para que o Doriana volte atrás dessa ideia de jerico, é nos apropriar da Virada e se for o caso, colar no centro no dia que é pra ser e fazer a balada lá de forma autônoma, autogestionada, todos os coletivos ae que agitam a cidade armar o barraco e fazer sua bagunça, e de repente isso vira algo ainda mais legal do que a Virada é hoje. Vamoaê?!"

 

 

(Créditos: Divulgação)

 

(Créditos: Divulgação)

 

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo