Música, bike e bazar no Festival Sumaré Aberta

 

Não é só a Avenida Paulista que abre para pedestres e e intervenções no final de semana. Neste domingo (26/11), a partir das 11h, é a vez de outra famosa avenida da capital paulista se transformar em palco de atrações culturais, feira de trocas, palestras e outras atrações no Festival Sumaré Aberta

Organizada pelo SampaPé, Minha Sampa e Bike Anjo, a programação do evento ainda está aberta para ser preenchida com artistas e iniciativas locais que tenham interesse de se apresentar. Se quiser levar alguma atividade mande um e-mail para black@minhasampa.org.br. 

Bora lá!
 

CONFIRA  A  PROGRAMAÇÃO

11h/16h - Bazar Trocaí

11h/16h - Rodinha Zero por Instituto Aromeiazero (Bikes infantis para pedalar de graça)

11h/13h - Discotecagem: Ricardo Vincenzo (Roda de Sample)

13h/14h - Roda de Conversa: Consumo Sustentável 

13h/14h - Discotecagem: Camilo Rocha

14h/15h - Banda Chá de Pólvora 

14h/16h - Bike Anjo 

15h/16h - Roda de Conversa: Ruas Abertas com Gui Coelho, Anna Livia, Ana Carol e Leticia Sabino

15h/16h - Discotecagem: Marcio Black (Minha Sampa) 

SERVIÇO         
Quando: 26 de novembro, das 11h às 18h
Local: Avenida Sumaré, em frente à Praça Ana Maria Popovic 
 

 

 

SOBRE O RUAS ABERTAS

O programa Ruas Abertas foi uma conquista da sociedade civil na cidade de São Paulo. Da mesma maneira a zeladoria do programa é uma iniciativa da sociedade civil que visa acompanhar o funcionamento do Programa Ruas Abertas. 

Atualmente, existem 26 Ruas Abertas nas diferentes regiões da cidade, e recentemente algumas destas ruas não funcionaram por quase 1 mês. Além disso, foi identificado pelo diagnóstico que muitas delas não estão sinalizadas e acontecem em ruas onde não há apropriação da população local, ainda que haja uma extensa demanda por espaços públicos nos bairros. 

Para sabermos se as ruas estão funcionando normalmente, problemas e possíveis ideias de engajamento e solução, criamos este programa com o objetivo de facilitar a comunicação entre a população que mora nas proximidades das ruas. 

Quer ser zelador de uma rua aberta na sua região? Inscreva-se no na página:  www.ruasabertas.minhasampa.org.br

 

 

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo