Mostra de Cinema de Gostoso está com inscrições abertas

 

(Crédito:Reprodução)

 

 

Estão abertas as inscrições para a 5ª Mostra de Cinema de Gostoso, que apresenta ao longo de seis dias, os mais recentes lançamentos cinematográficos brasileiros, com sessões entre as mostras Competitiva, Panorama e Infantil, além das Sessões Especiais.

Além de uma tela de cinema ao ar livre na Praia do Maceió, ambém serão realizadas sessões em ambientes fechados, que incluem debates com personalidades, diretores e atores dos filmes.

O melhor longa e o melhor curta-metragem serão escolhidos pelo público para receber o Troféu Luís da Câmara Cascudo. 

A curadoria coletiva é feita por Eugenio Puppo e Matheus Sundfeld, em parceria com os alunos dos cursos de formação técnica e audiovisual, o coletivo “Nós do Audiovisual”.

 

(Crédito:Reprodução)

 

Dando continuidade aos Cursos de Formação Técnica e Audiovisual para os jovens de São Miguel do Gostoso e distritos arredores, o “Coletivo Nós do Audiovisual”  realiza uma série de oficinas, que incluem Linguagem Audiovisual, Roteiro, Produção Cultural e Realização de Curtas-Metragens.

Um dos principais objetivos dos cursos é o de formar cidadãos, despertando nestes jovens seu potencial voltado tanto para o audiovisual quanto para áreas diversas, estimulando o estudo e iniciativas de trabalho.

Com o conhecimento adquirido ao longo dos cursos, o coletivo também participa da produção da Mostra de Cinema de Gostoso, momento em que trocam conhecimentos com cineastas, atores e diretores de outros estados que são convidados para a mostra.

 

(Crédito:Reprodução)

 

Localizada no Rio Grande do Norte, a 110 km da capital Natal, a cidade de São Miguel do Gostoso, conhecida como a esquina do continente, possui cerca de nove mil habitantes e apresenta belezas naturais e uma localização geográfica privilegiada, que atraem turistas principalmente de esportes radicais como o kitesurfe.

Para participar da Mostra, é necessário realizar inscrição no site do festival até 31 de julho.

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo