Ensaio mostra vida íntima de relacionamento entre homem e boneca

A fotógrafa alemã Sandra Hoyn conheceu Dirk através de um fórum na internet e decidiu documentar sua interessante história de amor e compartilhá-la com o mundo. Dirk, cujo nome real não é revelado, tem 40 anos, trabalha em casa e foi casado antes de Jenny, a boneca. De acordo com Dirk, Jenny entrou em sua vida após um colapso psicológico que o levou a comprar a boneca. Dirk acredita que a boneca o ama como ele faz e a vê como uma pessoa comum.

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

Na alma artificial de Jenny, Hoyn captura momentos íntimos entre os dois, documentando o estilo de vida não convencional de Dirk. A parceira de Dirk permanece escondida de seus amigos e família, até mesmo de seu filho e sua ex-esposa. Uma de suas maiores fantasias é que um dia ele será capaz de trazer Jenny para fora no público, com receio do que vai acontecer com ela quando ele envelhecer.   

Para Dirk, Jenny é um ser frágil e vulnerável tanto no interior como no exterior e ele protege e cuida dela. 
 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

Para Hoyn, Dirk e Jenny são nada mais do que apenas um casal não convencional, com uma rotina semelhante a todos, e espera que suas imagens quebrem o julgamento da escolha de relacionamento de Dirk.

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

(Créditos: Sandra Hoyn)

 

 

 

 

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo