Em fotos, Turca questiona os tabus da sexualidade feminina

 

Desde de muito cedo, Eylül Aslan se deu contas das dificuldades de ser mulher na Turquia e, como forma de questionar a misoginia tão presente em seu país, a artista fez do corpo plataforma para a arte.

Diretora de Direitos das Mulheres do partido de oposição turco, a fotógrafa compõe imagens que retratam a liberdade tão almejada pelas mulheres de lá. Seus trabalhos falam de tolerância, aceitação e respeito, em ensaios nos quais a sensualidade é um dos personagens, mas não o protagonista.

Confira obras da artista feminista:

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo