Documentário sobre escultora Maria Martins ganha trailer

(Créditos: Divulgação)

 

Maria Martins (1894-1973) foi a primeira escultura brasileira a abordar a sexualidade em suas obras a partir das perspectiva feminina, e é tema do documentário Maria - Não Esqueça que Eu Venho dos Trópicos.

+ Doc sobre principal ladrão de obras raras do país estreia no Rio

Segundo o crítico de arte Paulo Herkenhoff, o trabalho da escultora é o mais radical feito no Brasil durante a primeira metade do século 20, por abordar temas como nudez e carnalidade, de maneira explícita.

O documentário também fala da vida da artista como esposa do diplomata Carlos Martins, embaixador brasileiro em Washington na década de 40 e sua amizade com Marcel Duchamp, e possível relacionamento amoroso. O artista francês teve Martins como musa, e a obra Prière de Touche, traz o seio da escultora em gesso.

O documentário será lançado no dia 16 de novembro. Veja abaixo o trailer:

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo