1ª Mostra do Corpo Contemporâneo incentiva jovens coreógrafas

Foram prorrogadas as inscrições para o dia 14 de julho da 1ª Mostra do Corpo Contemporâneo. 

Uma oportunidade para jovens coreógrafos mostrarem seu trabalho, sem nenhuma ligação com escolas ou academias de dança.

Contemplada na categoria Mostras e Festivais no Programa de Fomento à Arte e Cultural (Profac), da Prefeitura de Mogi das Cruzes, a mostra abre espaço para coreógrafos de Mogi das Cruzes, São Paulo e região, que realizam trabalhos solo, em duplas e até em quintetos, que estão em busca de uma oportunidade para dar vida à sua forma individual e inventiva de dançar.

 

(Crédito:Divulgação/Carne Urbana/ Beto Assem)

 

No total, serão selecionados 12 artistas, sendo seis remunerados com R$ 500 e seis não remunerados. Em ambas as categorias, quatro vagas serão destinadas para artistas mogianos.

Ao acessar o site, os interessados em participar devem ler, com atenção, o chamamento para seleção de trabalhos (edital) e, logo após, preencher uma ficha de inscrição, informando CPF ou CNPJ, nome completo e e-mail.

Após essa etapa, o participante terá de anexar um vídeo do seu projeto coreográfico ou performático.

A avaliação, realizada totalmente online, será feita por meio de uma equipe composta por diversos profissionais, como o bailarino e pesquisador Ítalo Leal, a bailarina e professora Danielle Bittencourt e o bailarino Robson Lourenço.

A direção artística do evento é de Fernanda Moretti.

(Crédito:Divulgação/Carne Urbana/ Beto Assem)

 

Além dos selecionados, haverá uma lista com seis trabalhos suplentes, ou seja, caso o candidato remunerado desista, aquele que foi selecionado sem remuneração sobe de categoria, possibilitando a participação de um dos suplentes.

O período de avaliação será entre os dias 16 e 23 de julho. A divulgação dos selecionados, assim como a dos suplentes, será realizada em duas chamadas: a primeira no dia 24 e a segunda no dia 26 do mesmo mês, ambas veiculadas no site do evento.

“Com identidades e talentos próprios, esses artistas desenvolvem trabalhos únicos e, por muitas vezes, se deparam com dificuldades para apresentá-los. A mostra abre espaço a esses profissionais”, acredita.

Após o período de avaliação, as coreografias escolhidas serão apresentadas no dia 11, no Centro Cultural de Mogi das Cruzes, e no dia 12 de agosto, no Galpão Arthur Netto de Cultura e Cidadania.

A divulgação do horário de cada apresentação, que poderá ser conferida no site, ocorrerá até o dia 30 de julho.

 

(Crédito:Divulgação/Carne Urbana/ Beto Assem)

 

 

Tags:

Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo