"O corpo é a casa" traz formas cotidianas distorcidas

Uma das obras de Erwin Wurm (Créditos: Divulgação)

 

Cotidiano não precisa ser sinônimo de rotina chata e desinteressante. Em Erwin Wurm O Corpo é a Casa, em cartaz no CCBB a partir de 25 de janeiro, um conjunto das obras, interativas e conceituais, desafia e distorce com humor formas tradicionais presentes no dia a dia. Marcello Dantas assina a curadoria.

Erwin Wurm  é um artista contemporâneo austríaco que utiliza mídias variadas – esculturas, vídeos, instalações, performances e intervenções – para desafiar formas tradicionais presentes no dia a dia. Neste sentido, objetos como carros, casas e sofás ganham aspectos distorcidos e expandidos.

 

O humor permeia a obra de Erwin, que também é sustentada por uma crítica feroz à sociedade de consumo e à cultura contemporânea. Segundo ele, o humor leva as pessoas a olharem para as coisas com mais cuidado. Wurm também coloca a interação do espectador como o ingrediente mais importante de sua arte.

Um dos destaques da mostra, com cerca de 40 obras, é a Fat House (Casa Gorda), que – com dimensões gigantescas e pesando cerca de 2 toneladas - será remontada no térreo no CCBB.

 

(Créditos: Divulgação)

 

Na série The Artist Who Swallowed the Word (O artista que engoliu o mundo) haverá uma seleção de trabalhos que discute a presença do artista em sua obra; já nas One-Minute Sculptures (Esculturas de um minuto) os visitantes seguem as instruções do artista e tornam-se, por 1 minuto, a própria obra. 

Dentro de casa e Comida são outros núcleos que fazem parte da exposição e também deslocam o espectador ao confrontá-lo com elementos triviais distorcidos. Treze vídeos do artista estarão espalhados pelo espaço, em lugares inusitados como banheiros, corredores e elevadores. E até a fachada do prédio receberá uma grande intervenção com móveis que instigam os passantes.

Erwin Wurm O Corpo é a Casa tem entrada gratuita. A visitação segue até 3 de abril.

 

  • Centro Cultural Banco do Brasil - São Paulo - Rua Álvares Penteado, 111 - Centro, São Paulo
    (11) 3113-3651 / (11) 3113-3652
    + Ver mapa
  • 25/01/2017 a 03/04/2017
  • Quarta a segunda: 9h às 21h.
  • Entrada gratuita.
Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo