Monólogos colocam à prova a normalidade no Sesc Consolação

Hospedeira e Paquiderme: dípitico de Estranhas e Esquizos Dramaturgias é um projeto de montagem de dois monólogos, feitos pelos dramaturgos Fernando Aveiro e Daniel Farias, em cartaz no Sesc Consolação até 26 de setembro.

As peças, que abordam doenças mentais como forma de questionar a normalidade, contam com atuações de Johana Albuquerque e Daniel Alvim, e direção de Georgette Fadel e Johana Albuquerque.

 

(Créditos: Reprodução / Marcelo Villas Boas)

 

Em Paquiderme nos deparamos com um homem com as mãos enfaixadas, na busca de uma explicação, a partir de um conflito com um outro. Há uma tentativa de perceber novos contornos, mas acima de tudo o desejo de confrontar-se consigo mesmo.

Entre jogos e lutas de forças, somos convidados a testemunhar um interrogatório ou a reconstituição de um jogo entre dois seres em busca de respostas e/ou novas perguntas sobre a vida. São desenhos de abismos: do sangue na pele à veia e finalmente à carne, ao nervo e ao cerne do que jorra em suas palavras.

 

(Créditos: Reprodução / Marcelo Villas Boas)

 

Em Hospedeira, uma mulher esquizofrênica, cinquentenária e egocentrada vive num espaço enclausurado, um cômodo velho e desabrigado, na zona de segurança máxima.

Assassina em série, em processo de julgamento fora dos padrões usuais, ou ainda, abandonada aos próprios surtos psicóticos, Carmem "liberta-se" em muitas personas, numa sucessão de momentos que revelam a sua inadequação ao "sistema-realidade", é o ser humano já convertido em quase bicho.

  • Sesc Consolação - Rua Dr. Vila Nova, 245 - Vila Buarque , São Paulo
    (11) 3234-3000
    + Ver mapa
  • 25/07/2017 a 26/09/2017
  • Segunda: 20h (Paquiderme). Terça: 20h (Hospedeira).
  • Inteira R$ 20. Meia R$ 10.
Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo