Matilha Cultura exibe gratuitamente "Eu Não Sou Negro"

"Eu Não Sou Negro" (Créditos: Divulgação)

 

A Matilha Cultural exibe o documentário americano "Eu não sou Negro". O filme, dirigido por Raoul Peck, foi indicado ao Oscar. Da mesma forma como Moolinght, o grande vencedor da premiação em 2017,  o longa-metragem leva para a discussão do racismo para as telas do cinema.

 

 

As sessões de Eu Não Sou Negro na Matilha Cultural ocorrem  às 17 e 19 horas. A duração do filme é de 92 minutos. A entrada, independentemente da idade dos interessados, é gratuita. 

 

// Sinopse

Narrado por Samuel L. Jackson, o documentário constrói uma reflexão sobre como é ser negro nos Estados Unidos. Em 1979, James Baldwin iniciou seu último livro, “Remember This House”, relatando as vidas e assassinatos dos líderes ativistas que marcaram a história social e política americana: Medgar Evers, Malcolm X e Martin Luther King Jr. Baldwin não foi capaz de completar o livro antes de sua morte, e o manuscrito inacabado foi confiado ao diretor Raoul Peck, que combina esse material com um rico arquivo de imagens dos movimentos Direitos Civis e Black Power, conectando essas lutas históricas por justiça e igualdade com os movimentos atuais que ainda clamam os mesmos direitos.

 

No mês de abril, a Matilha Cultural também promove shows e exposições. Nos dias 4, 11, 18 e 25, os músicos Guizado e Jonnatta Doll se apresentam nos happy hour que acontecem nos finais de tarde.

De 5 de abril a 13 de maio, a exposição Sentido Proibido é exibida. A mostra, com entrada gratuita, traz trabalhos do grupo Rolinho Bros.

  • Matilha Cultural - Rua Rego Freitas, 542 - República, São Paulo
    (11) 3256-2636
    + Ver mapa
  • 05/04/2017 a 08/04/2017
  • Terça a sábado: 17h e 19h.
  • Entrada gratuita.
Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo