Espetáculo acontece em meio a cenários de destruição e ruínas

 Escombros, do Grupo Sobrevento, estreou no dia 21 de abril e fica em cartaz até 27 de maio no Espaço Sobrevento. As apresentações são gratuitas e acontecem aos sábado e domingos. 

Referência na pesquisa de linguagem do teatro de animação – dentro e fora do Brasil –, criador de festivais e pioneiro em diferentes técnicas teatrais no país, o Grupo Sobrevento completou recentemente três décadas de estrada.⁠⁠⁠⁠ 

Participaram em 2017 de importantes turnês pela França e China, quando apresentou parte de seu repertório no festival Mondial des Théâtres de Marionnettes, em Charleville-Mézières, e também nas cidades de Hangzhou, Kushan e Shanghai.

Crédito:(Divulgação)

Entre as ruínas de uma casa, objetos como portas, janelas, cadeiras, mesas, uma penteadeira e muitas xícaras e bules de café falam do desabamento de um país e tudo o que foi demolido com ele ou que o fez desmoronar.

Cenas muito simples e cotidianas, diálogos desamarrados, coreografias segmentadas revelam o vazio e a desconexão das figuras que transitam sobre uma ausência de memórias e perspectivas.

Os objetos são usados em tamanho natural, ao contrário das miniaturas que abundam no Teatro de Objetos, e somente como os objetos que são, sem sobrepor-lhes metáforas.

Uma cenografia de terra seca, escombros e ruínas que se estendem aos atores e aos objetos, cobertos de barro seco e figurinos endurecidos, secos e sujos completam o quadro, sob uma luz em raios e envolto em uma música tensa e em uma canção que amarra todas as cenas do espetáculo.

Crédito:(Divulgação)

 

  • Espaço Sobrevento - Rua Coronel Albino Bairão, 42 (a duas quadras do Metrô Bresser-Mooca) - Belenzinho, São Paulo
    (11) 3399-3589
    + Ver mapa
  • 21/04/2018 a 27/05/2018
  • Sábados e domingos: 20h.
  • Gratuito.
Comentários
Escola Entrópica no Instituto Tomie Ohtake Museu de Arte Moderna de São Paulo